24 de fev de 2011

Efeitos do álcool na gestante e no bebê!

Você está grávida? Parabéns!


Quer uma gestação tranquila e sem riscos para o seu bebê? Então esqueça aquela cervejinha de fim de semana. Isso mesmo!
Bebidas alcoólicas causam um efeito tóxico oito vezes maior para o feto. Isto se deve o fato do bebê ter o fígado ainda imaturo e massa corporal menor que um adulto.

A abstinência total do álcool durante a gravidez é a recomendação da OMS (Organização Mundial da Saúde). Infelizmente muitos médicos liberam uma taça de vinho de vez em quando...

Com este hábito nada saudável seu bebê pode ter alterações físicas, mentais, comportamentais e/ou de aprendizado que se podem perpetuar por toda a vida como:
  • restrição de crescimento; 
  • anormalidades neurocomportamentais e características faciais específicas;
  • crescimento deficiente;
  • problemas comportamentais ou déficits motores e de linguagem; 
  • malformações cardíacas, ósseas, renais, das orelhas e dos olhos; 
  • alterações funcionais ou cognitivas de forma isolada ou combinada, as dificuldades de aprendizado escolar, controle dos impulsos, memória, atenção e/ou de discernimento. 
Cerca de 20 a 40% das gestantes consomem álcool. Para alertá-las a Sociedade de Pediatria de São Paulo lançou nesta semana o livro: "Efeitos do ácool na gestante, no feto e no recém-nascido." 


O Grupo de Trabalho Sobre os Efeitos do Álcool na Gestante, no Feto e no Recém-Nascido coordenado pela Dra. Conceição Ap. de Mattos Segre elaborou o livro “Efeitos do álcool na gestante, no feto e no recém-nascido”, abordando as consequências do consumo de bebidas alcoólicas, para mães e bebês, durante a gravidez. 


No livro, constam  os seguintes capítulos:


  1. Alcoolismo feminino durante a gestação
  2. Fatores de risco relacionados aos efeitos do álcool na gestação, feto e recém-nascido
  3. Conceitos e quadro clínico da exposição pré-natal ao álcool
  4. Diagnóstico
  5. Tratamento e prevenção
  6. Seguimento de crianças com síndrome alcoólica fetal 



Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.

2 comentários:

Anônimo disse...

E quando a gestante tem diabetes, é verdade q tem adoçante q ela não pode usar?

Yara disse...

Ai, eu fico P da vida quando vejo uma gestante bebendo , oua até mesmo fumando ... é muito importante mostrar o quanto isso pode fazer mal para o bebê, é importante preservar a vida ! Parabéns pelo blog , está liiindo flor *-*

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...