15 de ago de 2011

Envelhecimento saudável: confira o concurso de mister 3ª idade!

O concurso de mister 3ª idade elege anualmente o mais belo idoso de São Paulo, e é uma iniciativa da Secretaria Estadual de Saúde através do Instituto Paulista de Geriatria e Gerontologia (IPGG) localizado em São Miguel Paulista. 
Veja abaixo o vídeo do concurso de 2010 onde a Teena, repórter do programa legendários da tv Record, fez uma matéria especial.


Sérgio Cardoso de 60 anos foi eleito o mais belo idoso de São Paulo.



1 de ago de 2011

Dia da amamentação: você já amamentou o seu filho hoje? Saiba a importância deste gesto de amor.

Atenção mamães de plantão já amamentaram seu filho? Hoje, 1º de Agosto é o dia da amamentação, mas, você sabe a importância de alimentar seu herdeiro com o leite materno? Você pode dar outros alimentos  para ele? Até quando você deve amamentá-lo e quando  começar a oferecer a papinha? Todas essas e outras dúvidas serão esclarecidas aqui no Blog da Nutri!


Saiba que uma boa alimentação irá fornecer, em quantidade e qualidade, alimentos adequados para suprir as necessidades nutricionais que seu bebê precisa para crescer e se desenvolver.
Oferecer muito cedo alimentos complementares à criança interfere na continuação do aleitamento materno. Muitas vezes, estes alimentos não suprem as necessidades nutricionais dessa faixa etária, na qual a velocidade de crescimento é elevada, tornando os bebês mais vulneráveis tanto à desnutrição quanto a deficiências de
certos minerais e vitaminas.


Deve-se iniciar o aleitamento materno sob regime de livre demanda (ou seja toda vez que o neném quiser), imediatamente após o parto, sem horários pré-fixados estando a mãe em boas condições e o recém-nascido com manifestação ativa de sucção e choro. Então 'mamis' nada de oferecer a chuquinha, mamadeira e chupeta viu?


Agora vamos conhecer os tipos de aleitamento materno:
Aleitamento materno exclusivo: quando a criança recebe somente leite materno, diretamente da mama ou extraído, e nenhum outro líquido ou sólido, com exceção de gotas ou xaropes de vitaminas, minerais e/ou medicamentos.

Aleitamento materno predominante: quando o lactente recebe, além do leite materno, água ou bebidas à base de água, como sucos de frutas ou chás.


Aleitamento materno: quando a criança recebe leite materno, diretamente do seio ou extraído, independentemente de estar recebendo qualquer alimento ou líquido, incluindo leite não humano.



• Alimentação Artificial: diante da impossibilidade do aleitamento materno, deve-se utilizar uma fórmula infantil que satisfaça as necessidades do lactente, conforme recomendado. Antes do sexto mês deverá ser utilizada uma fórmula de partida e, a partir do sexto mês, recomenda-se uma fórmula infantil de seguimento.

Dez passos para a alimentação saudável para crianças menores de dois anos 
(Estabelecidos pelo Ministério da Saúde/OPAS e a Sociedade Brasileira de Pediatria)

Passo 1. Dar somente leite materno até os seis meses, sem oferecer água, chás ou
quaisquer outros alimentos.

Passo 2. A partir dos seis meses, introduzir de forma lenta e gradual outros alimentos,
mantendo o leite materno até os dois anos de idade ou mais.

Passo 3. Após os seis meses, dar alimentos complementares - cereais por exemplo o arroz, tubérculos como a batata, carnes, leguminosas como o feijão, frutas, legumes), três vezes ao dia, se a criança receber leite
materno, e cinco vezes ao dia, se estiver desmamada.

Passo 4. A alimentação complementar deverá ser oferecida sem rigidez de horários, respeitando-se sempre a vontade da criança.

Passo 5. A alimentação complementar deve ser espessa desde o início e oferecida com colher; começar com consistência pastosa (papas/purês) e, gradativamente, aumentar a consistência até chegar à alimentação da família.

Passo 6. Oferecer à criança diferentes alimentos ao dia. Uma alimentação variada é, também, uma alimentação colorida.

Passo 7. Estimular o consumo diário de frutas, verduras e legumes nas refeições.

Passo 8. Evitar açúcar, café, enlatados, frituras, refrigerantes, balas, salgadinhos e outras guloseimas nos primeiros anos de vida. Usar sal com moderação.

Passo 9. Cuidar da higiene no preparo e manuseio dos alimentos; garantir o seu armazenamento e conservação adequados.

Passo 10. Estimular a criança doente e convalescente a se alimentar, oferecendo sua alimentação habitual e seus alimentos preferidos, respeitando a sua aceitação.



Fonte: Ministério da Saúde/OPAS e  Sociedade Brasileira de Pediatria

Qualquer dúvida post seu comentário. E você está esperando o que para ir amamentar seu filho?


Beijos nutritivos e até mais!



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...